Ive used this app as a starting point when debugging IP based networks and highly recommend it. There can be a Google search feature around the Apple iPhone 6 plus White and with the help of this you can quickly look for information.

Our untrue are just being essential questions regular http://www.netvibes.com/cheapinstagramfollowers real your clear that page wait.

Consider all the music you download as a result of your cellular phone at $one every and how significantly you would conserve getting only one lifetime payment for limitless downloads. That is possible with the development of various applications based on our lifestyle. Not only can you plan your holiday with this app, but you can also read those all important reviews, which can help decide whether or not you should visit a place or stay in a certain hotel. Both the features and the deals in case from the Apple iPhone 6 plus are creating waves inside mobile handset markets in UK. This service includes free updates of the iPhone unlock software, as to ensure that you will never have to pay to unlock your iPhone again in the future.

Mostra Cinema e Sociedade

Raca_Cartaz_bx

 

Em novembro, a Mostra Cinema e Sociedade promove a exibição de filmes que discutem a questão do preconceito, da mobilização social e da luta pela igualdade racial. São obras que estimulam a reflexão e discussão do público abordando questões cada vez mais presentes na realidade nacional. É importante destacar que o tema se insere nas discussões do Dia da Consciência Negra (20/11).

O evento é gratuito. Pretende-se atingir o público montesclarense estimulando a participação de todos os interessados no tema: adultos, jovens, militantes sociais, agentes culturais e estudantes universitários, que terão acesso a produções cinematográficas de qualidade e conteúdo crítico.

 
 

02/11 – A Negação do Brasil (Brasil, 2000), dir: Joel Zito Araújo.

Viagem na história da telenovela no Brasil revelando e analisando os personagens atribuídos aos atores negros. Baseado em suas memórias e em pesquisas fundamentadas, o diretor registra a identidade étnica e audiovisual dos afro-brasileiros e faz um manifesto pela incorporação positiva do negro nas imagens televisivas do país.

Classificação indicativa: 12 anos.

 
 

09/11 – Cinderelas, Lobos e um Príncipe Encantado (Brasil, 2009), dir: Joel Zito Araújo.

Documentário que parte do fato que cerca de 900 mil pessoas por ano são traficadas pelas fronteiras internacionais para fins de exploração sexual. Entretanto, apesar de todos os perigos, jovens mulheres brasileiras acreditam que vão mudar de vida e sonham com o seu príncipe encantado. O filme vai do Nordeste brasileiro a Berlim buscando entender os imaginários sexuais, raciais e de poder das jovens cinderelas do sul e dos lobos do norte.

Classificação indicativa: 16 anos.

 
 

16/11 – As Filhas do Vento (Brasil, 2004), dir: Joel Zito Araújo.

Numa pequena cidade mineira, as irmãs Cida e Ju têm objetivos bem distintos: a primeira quer se tornar uma famosa atriz (e para isto é imperativo que deixe o lugarejo), já a segunda só pensa em namorar. Disputas e intrigas familiares, afastam as irmãs, que ficam sem se falar por mais de quatro décadas. Com a morte do pai, as duas se reencontram, mas as mágoas e os ressentimentos precisam ser superados para recuperar a unidade familiar. Vencedor de oito Kikitos no Festival de Gramado 2004.

Classificação indicativa: 14 anos.

 
 

23/11 – Bróder (Brasil, 2009), dir: Jefferson De.

Capão Redondo, bairro de São Paulo. Macu, Jaiminho e Pibe são amigos desde a infância e seguiram caminhos distintos ao crescer. Jaiminho tornou-se jogador de futebol, alcançando a fama. Pibe vive com Cláudia e tem um filho com ela, precisando trabalhar muito para pagar as contas de casa. Já Macu entrou para o mundo do crime e está envolvido com os preparativos de um sequestro. Uma festa surpresa organizada por dona Sonia, mãe de Macu, faz com que os três amigos se reencontrem. Em meio à alegria pelo reencontro, a sombra do mundo do crime ameaça a amizade do trio.

Classificação indicativa: 14 anos.

 
 

30/11 – Raça – Um Filme sobre a Igualdade (Brasil/EUA, 2012), dir: Joel Zito Araújo e Megan Mylan. ***

Documentário que discute a desigualdade racial no Brasil a partir de três pessoas que estão à frente da questão no país: o senador Paulo Paim, autor do Estatuto da Igualdade Racial e um dos primeiros negros no Congresso; Miúda dos Santos, neta de africanos escravizados e ativista quilombola; e Netinho de Paula, cantor, apresentador e empresário consolidando um canal de televisão, o TV Gente, formado majoritariamente por profissionais negros.

Classificação indicativa: 12 anos.

 
 

 

Veja  o trailer do filme: http://www.youtube.com/watch?v=9CppLHwAtBg

Classificação indicativa: 12 anos.

*** Lançamento do filme com a presença do diretor Joel Zito Araújo para debate com o público.

veja mais